O período de incubação do coronavírus é de 5 dias? Não é tão simples assim.

O período de incubação do coronavírus é de 5 dias? Não é tão simples assim.

O período médio de incubação para o novo coronavírus é de cerca de 5 dias – o que é semelhante ao SARS, de acordo com um artigo publicado no Annals of Internal Medicine.

Vira e mexe, dá isso. Porém, não é tão simples. Veja detalhes retirados da experiência chinesa e outras, que convém conhecer, nesse artigo.

Resumo das conclusões:

  • 2-14 dias representa o intervalo estimado oficial atual para o novo coronavírus COVID-19.
  • No entanto, um caso com um período de incubação de 27 dias foi relatado pelo governo local da província de Hubei em 22 de fevereiro1
  • Além disso, um caso com um período de incubação de 19 dias foi observado em um estudo JAMA de 5 casos publicado em 21 de fevereiro.2
  • Um período fora da curva de incubação de 24 dias foi observado pela primeira vez em um estudo de 9 de fevereiro.3 A OMS disse na época que isso poderia realmente refletir uma segunda exposição, em vez de um longo período de incubação, e que não mudaria suas recomendações.
  • Período pode variar muito entre os pacientes.
  • Período médio de incubação observado:
    • 3,0 dias (intervalo de 0 a 24 dias, estudo baseado em 1.324 casos)
    • 5,2 dias (intervalo de 4,1 a 7,0 dias, com base em 425 casos).
  • Período médio de incubação observado em viajantes de Wuhan:
    • 6,4 dias (variação de 2,1 a 11,1 dias).

Período de Incubação do COVID-19

O período de incubação (tempo de exposição ao desenvolvimento dos sintomas) é estimado entre 2 e 14 dias, com base nas seguintes fontes:

O DXY.cn, uma comunidade online chinesa líder para médicos e profissionais de saúde, está relatando um período de incubação de “3 a 7 dias, até 14 dias”.

O intervalo estimado provavelmente será reduzido à medida que mais dados estiverem disponíveis.

Período de incubação de até 24 dias?

O período de incubação foi de até 24 dias (intervalo: 0-24 dias; mediana: 3,0 dias) em um estudo publicado em 9 de fevereiro.7

A OMS disse em entrevista coletiva em 10 de fevereiro que:

  • um período de incubação muito longo pode refletir uma dupla exposição.
  • 24 dias representaram uma observação discrepante que deve ser levada em consideração no contexto da principal descoberta do estudo.
  • A OMS não estava considerando mudar as recomendações em relação aos períodos de incubação.

Mais recentemente, no entanto, um caso com um período de incubação de 19 dias foi observado em um estudo JAMA publicado em 21 de fevereiro8, e outro caso com um período de incubação de 27 dias foi relatado pela Província de Hubei em 22 de fevereiro9

Período de incubação de 5,2 dias em média

Um estudo chinês publicado no New England Journal of Medicine em 30 de janeiro10 descobriu que o período de incubação é de 5,2 dias em média, mas varia muito entre os pacientes. A equipe chinesa que conduz o estudo disse que suas descobertas apoiam um período de observação médica de 14 dias para pessoas expostas ao patógeno.

Abaixo está um extrato dos resultados do estudo (destaque adicionado pelo Worldometer):

“Entre os primeiros 425 pacientes com NCIP confirmado, a idade média foi de 59 anos e 56% eram do sexo masculino. A maioria dos casos (55%) com início antes de 1º de janeiro de 2020 estava vinculada ao mercado atacadista de frutos do mar de Huanan, em comparação com 8,6% dos casos subsequentes.

O período médio de incubação foi de 5,2 dias (intervalo de confiança de 95% [IC], 4,1 a 7,0), com o percentil 95 da distribuição em 12,5 dias.

Nos estágios iniciais, a epidemia dobrava de tamanho a cada 7,4 dias. Com um intervalo serial médio de 7,5 dias (IC 95%, 5,3 a 19), o número reprodutivo básico foi estimado em 2,2 (IC 95%, 1,4 a 3,9).

Conclusões: Com base nessas informações, há evidências de que a transmissão homem-a-homem ocorreu entre contatos próximos desde meados de dezembro de 2019. Serão necessários esforços consideráveis ​​para reduzir a transmissão para controlar surtos, se dinâmicas similares se aplicarem a outros lugares. Medidas para prevenir ou reduzir a transmissão devem ser implementadas em populações em risco.

Dinâmica de transmissão precoce em Wuhan, China, da nova pneumonia infectada por coronavírus – Qun Li et al., New England Journal of Medicine, 29 de janeiro de 2020

Período de incubação em viajantes vindos de Wuhan

Um estudo financiado pelo Ministério da Saúde da Holanda e publicado em Eurosurveillance, 11 analisou dados de 88 casos com história conhecida de viagens para e desde Wuhan que foram detectados entre 20 e 28 de Janeiro como infectados com COVID-19.

O período médio de incubação foi estimado em 6,4 dias. O período de incubação varia de 2,1 a 11,1 dias. O limite superior de 11,1 dias pode ser considerado conservador.12

A importância de conhecer o período de incubação

A compreensão do período de incubação é muito importante para as autoridades de saúde, pois permite a introdução de sistemas de quarentena mais eficazes para as pessoas suspeitas de portar o vírus, como forma de controlar e impedir a disseminação do vírus.

Comparação com outros vírus

Para comparação, o período de incubação da gripe comum (gripe sazonal) é tipicamente de 2 dias. Período de incubação de outros coronavírus: SARS 2-7 dias; MERS 5 dias normalmente (intervalo de 2-14 dias).

VÍRUSPERÍODO DE INCUBAÇÃO (CASOS TÍPICOS)
Novo coronavírus (COVID-19)2-14 ou 0-24 dias*
SARS2-7 dias, excepcionalmente 10 dias
MERS5 dias (intervalo de 2 a 14)
Gripe suína1-4 dias, excepcionalmente 7 dias
Gripe sazonal2 dias (intervalo de 1 a 4)

Veja outros posts relacionados...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *