Imunidade de rebanho versus Mentalidade de rebanho

Imunidade de rebanho versus Mentalidade de rebanho
image_pdfimage_print

Mais globalizada que uma pandemia, só a morte. No manejo da sua tragédia, o Brasil parece se esmerar em repetir, e até aperfeiçoar, a tragédia dos outros.

“Como essas frases – imunidade de rebanho e mentalidade de rebanho – estão nas notícias hoje em dia, elas não precisam de apresentações. Enquanto a imunidade de rebanho pode funcionar a nosso favor, a mentalidade de rebanho pode ser de qualquer maneira. É preocupante ver que o país tem duas opiniões diferentes sobre a gravidade da epidemia do COVID-19. O senso comum não é tão comum, você pode dizer, mas é trágico que, apesar da disponibilidade de informações científicas em abundância, pareça que boa parte da população não consegue converter essas informações em conhecimento, e conhecimento em sabedoria. Mesmo que suas vidas estejam em perigo.

Em geral, a mentalidade de rebanho é usada em referência ao gado. No entanto, nós humanos também exibimos essa característica, especialmente quando não podemos tomar nossas próprias decisões e somos obrigados a seguir os outros cegamente. Já é tempo de abrirmos os olhos e considerarmos seriamente se quem estamos seguindo pode ser confiável em nossas vidas. Sim, nossas vidas. É grave assim essa situação. A ciência transcende divisões religiosas, partidárias, étnicas e outras criadas pelo homem. Deixe a ciência nos levar para fora dessa bagunça.”

Onde você acha que foi publicado esse texto? No Correio do Povo de Porto Alegre? No Estadão? No Globo? No A Crítica de Manaus? Na Gazeta do Povo de Curitiba?

Errado.

No The Denver Post. Sim, Denver, capital do estado norte-americano do Colorado. Há um mês.

NOTA DO BLOG:
Os dois termos – “imunidade de rebanho” e “mentalidade de rebanho” – talvez sejam desconhecidos para alguns. Eu optei por esclarecê-los porque ao menos do primeiro deles vamos ouvir bastante nos próximos meses, até a epidemia viral acabar no Brasil.

Imunidade de Rebanho

“Quando a maioria da população está imune a uma doença infecciosa, isso fornece proteção indireta – ou imunidade ao rebanho (também chamada proteção ao rebanho) – àqueles que não são imunes à doença.

Por exemplo, se 80% da população é imune a vírus, quatro em cada cinco pessoas que encontram alguém com a doença não ficam doentes (e não espalham mais a doença). Dessa maneira, a disseminação de doenças infecciosas é mantida sob controle. Dependendo de como uma infecção é contagiosa, geralmente 70% a 90% da população precisam de imunidade para obter a imunidade do rebanho.”1

Mentalidade de Rebanho

O termo descreve como as pessoas podem ser influenciadas por seus pares a adotar certos comportamentos em uma base emocional, fazendo com que eles tomem decisões diferentes das que tomariam individualmente.

Pesquisadores da Universidade Hebraica, da NYU e do MIT exploraram a mentalidade de rebanho em espaços online.  Comentários online receberam um voto positivo ou negativo inicial (para cima ou para baixo) em um site não divulgado por cinco meses. Nos cinco meses, os comentários classificados artificialmente positivamente mostraram uma pontuação média 25% maior que o grupo controle.2

Veja outros posts relacionados...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *